Filme do Pica-Pau tem seu teaser divulgado na CCXP 2016!

Universal Pictures divulgou durante seu painel na CCXP – Comic Con Experience 2016 o primeiro teaser de Pica-Pau, filme que mistura live action com animação. Veja:

No teaser podemos ver que o visual clássico do personagem foi levemente modificado. Longa segue o exemplos de filmes como Os Smurfs e Zé Colmeia que misturam atores reais com personagens gerados por computação gráfica. A brasileira Thaila Ayala está no elenco, ela interpreta Vanessa, a namorada do maior rival do famoso pássaro. Nas imagens já divulgadas, Thaila aparece ao lado do ator Adrian Glynn McMorran, seu namorado na história, e vira alvo de uma armação do Pica-Pau.

A estreia de Pica-Pau está prevista para outubro de 2017.

INSANO! Assista ao novo trailer de Guardiões da Galáxia Vol 2

cogdmurw8aq8yq4

O diretor James Gunn veio ao Brasil para participar da  CCXP – Comic Con Experience 2016 (Veja Aqui). Gunn exibiu material inédito de Guardiões da Galáxia Vol. 2 e divulgou o novo trailer do filme. Assista:

Chris Pratt, Zoe Saldana, Dave Bautista, Bradley Cooper e Vin Diesel retornaram como os protagonistas da história em Guardiões da Galáxia Vol 2. James Gunn será novamente o diretor. Entre as novidades do elenco estão Kurt Russell e Sylvester Stallone.

O lançamento de Guardiões da Galáxia Vol. 2 está marcado para 27 de abril de 2017.

O melhor filme de Super-Heróis de 2016!

melhores2

Em 2016 nós tivemos uma avalanche de filmes que adaptaram super-heróis das historias em quadrinhos. Foram seis longas e aqui vai nossa lista do pior ao melhor filmes do gênero.

A Marvel foi teve quatro filmes com seus personagens enquanto a DC apenas dois. Confira abaixo nossa lista:

6º Lugar: Esquadrão Suicida

13924838_1057476520966450_5093195099024400088_n

Quando o primeiro trailer de Esquadrão Suicida foi exibido na San Diego Comic Con 2015 a expectativa de que o diretor David Ayer estaria fazendo um ótimo trabalho ficou em nossas mentes. Infelizmente o filme mostrado naquele trailer não foi divulgado até hoje. O longa passou por vários problemas na sua produção e até refilmagens foram feitas poucos meses antes do lançamento, a Warner exigiu diversas mudanças e cortes diferentes que comprometeram a qualidade final do filme. A trama fraca e sem sentido, um Coringa mais cafetão do que psicopata e efeitos especiais ruins contribuíram para que Esquadrão Suicida ficasse com o titulo de pior filme de Super-herói de 2016.  

5º Lugar: X-Men: Apocalipse

13177357_850672441730223_7092625214862659155_n

Vou começar dizendo que o diretor Bryan Singer fez um excelente trabalho no primeiro filme dos X-Men no distante ano 2000, mas Singer parece ter parado no tempo e não consegue fazer um filme diferente e inovador como aquele. Em 2011 Singer deu lugar a Matthew Vaughn que dirigiu X-Men: Primeira Classe (o melhor filme da franquia dos mutantes), que deu novo folego para franquia já desgastada. Em seguida Singer voltou na continuação X-Men: Dias de um Futuro Esquecido, e estragou quase tudo que Vaughn havia feito, mas a boa bilheteria renderia mais um filme, X-Men: Apocalipse que tinha a promessa de mostrar os mutantes, Cyclope, Jean Grey, Tempestade, Noturno e entre outros jovens e recém recrutados por Charles Xavier. O roteiro já batido focado no triangulo amoroso bizarro Mistica/Xavier/Magneto, um vilão que decepcionou os fãs e uma trama que já estamos cansados ver naufragou mais um filme dos X-Men no cinema. Vou terminar dizendo que Bryan Singer já deu tudo e mais um pouco, já passou da hora dele ser substituído por um diretor mais ousado e com mais visão, tipo Matthew Vaughn (de novo), por exemplo.

4º Lugar: Batman vs Superman: A Origem da Justiça

12715809_1695081954100006_6458867904124435594_n

Talvez Batman vs Superman: A Origem da Justiça deva ser o filme mais controverso do ano. O confronto épico entra os dois maiores heróis da DC Comics dividiu opiniões, muitos adoraram e muitos outros odiaram. O diretor Zack Snyder saiu em defesa do filme dizendo que originalmente seu corte final teria mais de três horas de duração, mas a Warner não permitiu e um novo corte foi feito tirando trinta minutos do longa. Diante das críticas negativavas uma versão estendida foi prometida, que foi exibida nos cinemas americanos e nos brasileiros apenas para imprensa. De fato a tão versão estendida é melhor, infelizmente a trama é cheia de furos, o Superman parece uma versão vermelha e azul do Batman e pelo amor de Deus, porque não cortaram a cena da ‘MARTAAAAAAAAA’? Verdade seja dita, quem não gostou mesmo do resultado pífio do filme foi a Warner que adotou medidas drásticas, a começar por Snyder que antes tinha carta branca para criar o universo cinematográfico dos heróis da DC do jeito que achasse melhor, agora muito acham que ele deve dirigir apenas o filme da Liga da Justiça e nada mais.

3º Lugar: Doutor Estranho

14955973_1156154437794074_7843936331495583638_n

O aguardado filme do Mago Supremo da Marvel deve todo o seu sucesso ao ator Benedict Cumberbatch, e desemprenho e o carisma do ator são o ponto forte desse filme que tinha tudo para inovar o Universo Cinematográfico da Marvel. Apesar do seu visual tremendamente lindo, a sua trama de origem batida e um vilão raso não deixaram Doutor Estranho ser aquele filme surpreendente que todos esperavam.

2º Lugar: Deadpool

12743901_857412817718325_1424517184709050185_n

Aqui está a grande e agradável surpresa de 2016. Deadpool é o filme de super-herói que inovou, politicamente incorreto, com palavrões, sexo e muito sangue jorrando, o filme do anti-herói da Marvel caiu nas graças dos fãs, divertido e sem noção, como os quadrinhos do personagem o longa alcançou a marca historia de mais 700 milhões de dólares ao redor do mundo, nada mau para um filme que custou 58 milhões.

1º Lugar: Capitão América: Guerra Civil

12963363_1008695359206650_4165347311989557994_n

As diferenças entra Steve Rogers e Tony Stark vinham sendo apresentadas desde o primeiro filme dos Vingadores em 2012, de lá pra cá a tensão entre os dois “lideres” dos heróis mais poderosos da Terra só aumentou até que o inevitável confronto acontecesse em Capitão América: Guerra Civil o melhor filme do Marvel Studios até o momento, os irmãos Russo nos entregaram um filme na medida com ótimas cenas de ação uma trama simples porem bem executa e vilão diferente dos demais filmes. Além de apresentar o melhor Homem Aranha do cinema, Guerra Civil ainda achou espaço para introduzir o herói africano Pantera Negra que rouba a cena todas vez que mostra sua habilidades. As piadas estão presentes para aliviar o clima tenso que vai do começo até culminar em combate épico entra o Capitão América, Homem de Ferro e o Soldado Invernal.

Capitão América: Guerra Civil é o melhor filme de super-herói de 2016!

Crítica | 3% – Primeira Temporada

A série 3% estreou na Netflix dia 25 de novembro carregando o título de ser a primeira produção inteiramente brasileira da gigante do streming, fato que gerou uma certa expectativa, ainda mais porque a série foge dos dramas batidos da TV aberta e apresenta uma ficção cientifica que se passa em um futuro diatópico.

Na série, a população é dividida em dois grupos, os pobres, que vivem no continente e os por assim dizer ricos que vivem em alto mar numa comunidade chamada de Maralto. Quando os indivíduos do continente completam 20 anos de idade eles tem a chance de mudar de vida deixando tudo para trás para poder morar no Maralto, porém é preciso que os mesmos passem por um duro processo de seleção onde só os melhores poderão seguir para uma vida melhor, apenas 3% (daí o título), dos jovens que se submetem ao processo passarão.

20161027112807135497a

3% é uma série cheia de ideias legais e boas intenções que infelizmente não conseguiu excuta-las ao longo dos 8 episódios dessa primeira temporada. Fica claro que a trama é uma crítica social do nosso tão amada país chamado Brasil. O acerto vem logo de cara ao mostrar essa segregação de pessoas, que precisam passar por testes absurdos para que sejam dignos de uma vida melhor, de fato a série é um espelho da nossa sociedade, que vive falando de igualdade social, quanto todos nós sabemos que ela nunca vai haver. Mas quantas séries cheias de boas ideias não foram canceladas?

3-porcento2

Ver os participantes passando pelos testes é divertido nos 3 primeiros episódios, mas conforme a trama avança nada de impressionante acontece de fato, a série não consegue impressionar e o expectador fica esperando uma cena forte, um momento estressante. Os personagens são fracos e suas histórias são clichês demais. A narrativa fica o tempo todo mostrando que existem segredos não revelados, tentando assim prender a atenção do espectador, que sente vontade de ir ao fim pura e simplesmente pela curiosidade de saber quem vai passar e não para saber como aquele determinado personagem vai terminar.

3_101_unit_00365r1

O pior é que não fica claro porque esse tal Maralto é realmente melhor, a série não se preocupa em mostrar as diferenças reais entre as duas sociedades, o máximo que vamos ter são as especulações dos jovens candidatos que ficam imaginado como será viver do lado de lá, e os comentários vagos dos funcionários responsáveis em aplicar os testes. Se não vemos nada dessa tal vida melhor, do lado dos pobres é ainda pior, a única justificativa que eles usam como incentivo para os jovens passarem pelo processo é a pobreza, que também não é mostrada de forma clara, por se tratar de uma série que tem a desigualdade social como tema central era mais que obrigatório expor as condições de ambos os lados. Em um dos episódios a trama sugere que o problema das pessoas do continente é a falta de dinheiro, é muito confuso e as motivações de cada personagem não são claras ou convincentes.

3porcento-1

O elenco é outro grande deslize, Bianca Comparato, Michel Gomes, Vaneza Oliveira, Rodolfo Valente e Rafael Lozano se destacam, mas não convencem quando uma cena demanda uma carga emocional, ou quando um diálogo requer uma intensidade maior. João Miguel faz bonito vivendo Ezequiel, o chefe do processo, o personagem mais interessante da série.

3-porcento

Infelizmente o ponta pé inicial das produções brasileiras da Netflix não começou tão bem, 3% é uma série que promete muito e entrega pouco, faltou bons personagens, faltou mais grana, faltou atores melhores, faltou uma trama mais interessante e menos clichê, com cenas fortes que impressionam. Mesmo assim a produção é superior as novas tentativas da TV aberta em fazer algo diferente. Ainda é incerto saber como o público brasileiro vai receber 3%, com isso uma segunda temporada pode estar longe de acontecer.

Avaliação do Crítico: Regular

Max Steel | Confira o trailer dublado do filme!

Imagem Filmes divulgou o primeiro trailer dublado de Max Steel: O Filme, assista no player abaixo:

Na trama, Max McGrath (Ben Winchell) é um adolescente com poderes misteriosos que, quando combinados com o alien Steel (voz de Josh Brener), geram o herói Max Steel. Ana Villafañe vive Sofia Martinez, Andy Garcia é o misterioso cientista Dr. Miles Edwards e Maria Bello é Molly McGrath.

Stewart Hendler (da série digital H+) dirige o roteiro assinado por Christopher Yost (Thor: O Mundo Sombrio). O lançamento nos EUA aconteceu dia 21 de outubro, ainda sem data confirmada no Brasil.

Os Guardiões | Assista o trailer épico do filme Russo de super-heróis!

Alguns meses atrás um trailer do que parecia ser um filme de super-heróis feito na Russia circulou pela internet. Logo se confirmou que realmente se tratava de um filme russo com o titulo de Guardians (Zaschitniki).

ParisFilmes vai distribuir o filme aqui no Brasil (que deve chegar aos cinemas em 2017 com o titulo de Os Guardiões), e já divulgou o trailer em duas versões. Assista:

Na trama, durante a Guerra Fria, uma organização chamada “Patriotas” criou um esquadrão de super-heróis que incluía diversos membros da União Soviética. Por anos esses heróis tiveram que esconder suas identidades, mas agora eles terão que se revelar.

#OsGuardiões estreia na Russia dia 23 de fevereiro de 2017.

Arsus

Tem a capacidade de se transformar em um meio-homem, meio-urso. Além disso, Arsus (Anton Pampushnyy) tem a capacidade de controlar o quanto de seu corpo pode se transforma em um urso, então veremos diferentes combinações homem-urso durante o filme.

Ler

Interpretado por Sebastien Sisak, no trailer podemos ver Ler manipulando rochas. Ele pode usar as pedras para levitar, como Magneto. Devemos apenas chamá-lo Rockneto?

Khan

Além de parecer ser uma variação do Soldado Invernal, esse cara (interpretado por Sanzhar Madiyev) realmente gosta de suas lâminas e suas acrobacias aéreas. Ele também tem força sobre-humana e move-se tão rápido que parece que ele está se teletransportando.

Kseniya

O trailer explica que estes quatro heróis ganharam seus poderes depois de serem submetidos a experimentos, Kseniya (Alina LaNina) é a última peça do quebra-cabeça. Ela tem a capacidade de manipular a água e pode se tornar invisível, graças a esses poderes.

Carros 3 | Confira agora o teaser trailer da continuação!

car3

A Walt Disney Studios e a Pixar acabaram de divulgar de surpresa o teaser trailer de Carros 3 (Cars), além da sinopse oficial. Confira:

Surpreendido por uma nova geração de corredores incrivelmente rápidos, o lendário Relâmpago McQueen é repentinamente afastado do esporte que ama. Para voltar com tudo às corridas, ele precisará da ajuda da jovem treinadora de corridas, Cruz Ramirez. Com o seu plano para vencer, mais a inspiração do Fabuloso Doc Hudson e alguns acontecimentos inesperados, eles partem para a maior aventura de suas vidas. O teste final do campeão será na maior prova da Copa Pistão!

Dirigido por Brian Fee (storyboard artist de “Carros”, “Carros 2“) e produzido por Kevin Reher (“Vida de Inseto”, curta “La Luna”), “Carros 3” chega nos cinemas dia 13 de julho de 2017.